A maior turnê europeia do Tour de France desde 2015

O Tour de France deste ano, que culminará no domingo, 24 de julho de 2022, atraiu a maior audiência de televisão desde 2015 em todos os países da União Europeia de Radiodifusão (EBU) em termos de horas de exibição.

As duas últimas edições da prova, que incluíram a batalha pela camisola amarela entre o vencedor esloveno Jonas Vingegaard e Tadej Pogačar, foram assistidas por um total de mais de 400 milhões de horas pelas seguintes estações de televisão membros da EBU:

TV2 (Dinamarca); TV2 (Noruega); ITV e S4C (Reino Unido); TG4 (Irlanda); NOS (Holanda); VRT e RTBF (Bélgica); RTL (Luxemburgo); ARD (Alemanha); SRG-SSR (Suíça); TV Tcheca (República Tcheca); RTV (Eslováquia); RTV (Eslovénia); RTVE (Espanha); RTP (Portugal); e RAI (Itália).

As emissões dos membros da EBU foram complementadas pela cobertura pan-europeia no Eurosport e Global Cycling Network TV e plataformas digitais, com Eurosport 1 e Eurosport 2 atingindo uma audiência combinada de 37 milhões de telespectadores.

A corrida recebeu extensa cobertura de rádio por membros da EBU em toda a Europa, cobrindo 21 etapas desde o início da manhã até o final da noite. Os membros da rádio EBU que cobrem o evento são principalmente DR (Dinamarca), NRK (Noruega), CR (República Checa), RTVS (Eslováquia), SR (Suécia), BBC (Reino Unido), VRT e RTBF (Bélgica), NOS (Holanda) , SRG (Suíça), ARD (Alemanha), RNE (Espanha), RAI (Itália) e RTVS (Eslovênia).

Assistindo TV
Depois que as três primeiras etapas foram na Dinamarca, a corrida deste ano foi particularmente atraente para os espectadores dinamarqueses, com Wingegaard se tornando o primeiro vencedor dinamarquês do Tour desde 1996. Isso se reflete nos números de audiência da emissora nacional dinamarquesa TV2, que levou a classificação geral audiência de 71,9% e média de 685.000 espectadores para sua cobertura (melhores números desde 1997).

Outros números importantes de participação de audiência para emissoras que fazem parte do acordo EBU incluem:

  • VRT: 69,4% (melhor desde pelo menos 2011)
  • NARIZ: 50,6% (melhor desde pelo menos 2011)
  • RTBF: 37,9% (melhor desde pelo menos 2011)
  • RTV Eslovênia: 35,3% e audiência média de 143.000 espectadores (recorde histórico)

O público final
A TV2 Dinamarca teve a maior parcela de audiência de toda a corrida: 82,35% de cobertura da etapa 2, que cobriu o interior dinamarquês de Raskilde a Nyborg.

A TV2 Dinamarca registrou 1.529.000 espectadores por sua cobertura da Etapa 1, um contra-relógio privado nas ruas da capital dinamarquesa, Copenhague.

A ARD conquistou a melhor audiência para o nível (2.911.456 para o nível 12), seguida pela RAI (1.965.900 para o nível 9) e RTVE (1.940.000 para o nível 12).

Visão digital
Uma ampla cobertura digital foi fornecida em seus sites, aplicativos, páginas de mídia social e plataformas OTT/streaming, com forte cobertura dos membros da EBU. Isso inclui:

  • A plataforma de streaming sportschau.de da ARD atraiu 11 milhões de espectadores, o dobro de 2021.
  • A 3 de julho (fase 3), a TV2 na Dinamarca registou o maior número de utilizadores diários de sempre na TV2.DK (1,9 milhões), e a 24 de julho (última fase), a TV2 bateu o recorde de utilizadores da TV2 PLAY. – Plataforma de demanda.
  • Os visitantes únicos diários do site VRT sporza.be atingiram uma média de 691.432 visitantes de 1 a 21 de julho, 32% a mais do que a média de visitantes únicos diários nos primeiros seis meses do ano.

Julien Gaubill, Diretor de Mídia e Parcerias da ASO, organizadora do Tour de France, disse: “A cada ano, a combinação sutil de cobertura aberta via canais públicos membros da EBU e plataformas Eurosport/GCN nos permite apresentar a melhor corrida de ciclismo em o mundo para um grande público em toda a Europa.

“De Copenhague à sua calorosa recepção, o Tour de France, após 21 dias espetaculares de corridas até os Champs-Élysées, a edição de 2022 emocionou milhões de telespectadores em todos os continentes.

“Estamos muito satisfeitos em ver classificações tão altas dos membros da EBU, que demonstram a força do relacionamento entre o Tour e os fãs europeus de todas as idades e origens e todas as partes interessadas do Tour de France – as cidades e regiões anfitriãs, parceiros, equipes participantes e pilotos – as Plataformas Orgânicas da Le Tour e totalmente digital dos membros da EBU Uma expressão maravilhosa conectada ao ecossistema.”

Frédéric Sanz, chefe de ciclismo da Eurovision Sport, disse: “Como um dos eventos esportivos mais populares, a EBU acredita que as plataformas de transmissão aberta mais populares se beneficiam de uma ampla cobertura em toda a Europa. A EBU é representada pelos seus membros, juntamente com o Eurosport e a Global Cycling Network.

“Os membros da EBU tiveram classificações médias muito altas e compartilhamentos de visualizações este ano, alcançando e entretendo mais fãs e criando maior visibilidade para patrocinadores e autoridades de turismo, com a turnê deste ano prestando atenção especial às belas cidades e paisagens da Dinamarca. De France começou pela primeira vez Sports Eurovision este ano, estou muito feliz por ter contribuído para o sucesso geral.

www.letour.fr
www.ebu.ch

Elite Boss

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.