Aos 92 minutos, a Macedônia do Norte chocou a Itália, que mais uma vez ficou sem um WC



Um choque para os italianos… A Macedônia do Norte silenciou os torcedores no estádio Renza Barbere, em Palermo. Foto: Reuters

A semifinal das eliminatórias adicionais trouxe uma surpresa que deixou a Itália no escuro. Nossos vizinhos ocidentais, os atuais campeões europeus, não participaram da Copa do Mundo pela segunda vez consecutiva.


O herói da Macedônia do Norte - Aleksandar Trajkovski.  Foto: EPA
O herói da Macedônia do Norte – Aleksandar Trajkovski. Foto: EPA

Um resultado que os italianos tentarão esquecer o mais rápido possível.  Foto: Reuters
Um resultado que os italianos tentarão esquecer o mais rápido possível. Foto: Reuters

A Itália teve muitas oportunidades no primeiro tempo, mas não as aproveitou. Aos 30 minutos, o goleiro da Macedônia do Norte deu uma chance aos italianos, que chutaram mal, e acabou em Domenico Berardi. O italiano chutou de perto, mas o goleiro corrigiu o erro desastroso e defendeu.

Berardi também fechou com a esquerda aos 53 minutos, quando chutou por volta dos 17m, o goleiro da Macedônia voltou a se defender. O remate poderoso de Berardi, quatro minutos depois, à entrada da área, acabou por sair ao lado. Aos 63 minutos, Berardi rematou de perto, após excelente passe, mas o seu remate foi bloqueado pelo representante macedónio. Aos 79 minutos, Giacomo Raspadori chutou da entrada da área, a bola saiu alguns centímetros por cima do travessão.

Os italianos tentaram até o fim, mas não conseguiram romper a defesa. Parecia que o vencedor do confronto da semifinal seria conhecido após a prorrogação, mas é na prorrogação do árbitro Aleksandar Trajkovski enviou um míssil no canto inferior esquerdo de longe que era imparável para Gianluigi Donnarumma.

Os macedônios tiveram apenas quatro finalizações na partida, duas das quais no alvo. Os italianos tiveram 32 finalizações, cinco no alvo.


Roberto Mancini não conseguiu levar seus pupilos à Copa do Mundo.  Foto: EPA
Roberto Mancini não conseguiu levar seus pupilos à Copa do Mundo. Foto: EPA

Celebração nas ruas de Skopje.  Foto: EPA
Celebração nas ruas de Skopje. Foto: EPA

Mancini: O momento mais difícil da minha carreira
Roberto Mancini teve dificuldade em encontrar palavras após a partida, escreve o italiano La Gazzetta dello Sport. “Em julho passado, experimentei a maior alegria da minha carreira no Campeonato Europeu. Agora experimentei a maior decepção. Isso é futebol, coisas incríveis acontecem. Fizemos tudo para vencer e depois sofremos um gol aos 92 minutos. Não deveríamos Não tenho que chegar a este ponto. Meu futuro? Não sei, agora a decepção é demais.”

A Macedônia do Norte enfrentará Portugal na final por uma passagem para o Mundial. Esta equipe venceu a Turquia por 3:1. As finais também foram vencidas pelas seleções nacionais do País de Gales (derrotaram a Áustria por 2 a 0, ambos os golos foram marcados por Gareth Bale) e da Suécia (derrotaram a República Checa por 1 a 0 após prolongamento, o golo foi de Robin Quaison) .

QUALIFICAÇÕES ADICIONAIS, FrFinal:
GALES – Áustria 2:1 (1:0)
Bale 25., 51.; Davies 65./ag

SUÉCIA – República Checa * 1:0 (0:0)
Quais em 110.
* – após extensão

Itália – MACEDÓNIA DO NORTE 0:1 (0:0)
Trajkovski 92.

Itália: Donnarumma, Florenzi, Mancini (90º/Chiellini), Bastoni, Emerson, Barella (77º/Tonali), Jorginho, Verratti, Berardi (89º/Joao Pedro), Immobile (77º/Pellegrini), Insigne (64º/Raspadori).

Macedônia do Norte: Dimitrievski, S. Ristovski, Velkovski (86./Ristevski), Musliu, Alioski, Ademi (59./Askovski), Churlinov, Nikolov (59./Spirovski), Bardhi, Trajkovski, M. Ristovski (72./Miovski).

Juiz: Clement Turpin (França)

PORTUGAL – Turquia 3:1 (2:0)
Otávio 15, Diogo Jota 42, Nunes 94; Yilmaz 65.
Yilmaz (Turquia) falhou o pontapé de grande penalidade aos 83 minutos.

Postergado:
ESCÓCIA – UCRÂNIA

A Polônia avançou para a final sem luta, já que a Rússia foi eliminada.


Final, terça-feira, às 20h45:
POLÔNIA – SUÉCIA
PORTUGAL – MACEDÓNIA DO NORTE

Postergado:
GALES – ESCÓCIA/UCRÂNIA

Três equipes nacionais se qualificarão para o WC no Qatar por meio de qualificações adicionais.

19 das 32 equipes do WC 2022 são conhecidas
Há um total de 19 equipes recém-classificadas na Copa do Mundo. Brasil, Argentina, Equador e Uruguai conquistaram vaga no Catar nas eliminatórias sul-americanas, enquanto Irã, Coreia do Sul, Arábia Saudita e Japão nas eliminatórias asiáticas, além do Catar, e das eliminatórias europeias Dinamarca, Alemanha, França, Bélgica, Croácia, Espanha, Sérvia, Inglaterra, Suíça e Holanda.

Elite Boss

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.