Eslovênia do Cazaquistão de mãos vazias



A Eslovênia ainda não venceu o Cazaquistão. Foto: Val 202/Sandi Škvarč

A Eslovênia enfrentou o Cazaquistão pela quarta vez, somando uma segunda derrota a dois empates. Desta vez, os cazaques assumiram a liderança aos sete minutos, após o gol de Albert Akbalikov, e Douglas Junior confirmou a vitória aos 36 minutos.

Parabéns ao Cazaquistão pela vitória merecida. Felicito também os meus rapazes pelo bom jogo. Estivemos sob muita pressão nos primeiros dez minutos, depois estabilizamos o jogo e jogamos bem. O Cazaquistão é uma equipa de topo que aproveitou os nossos erros, incluindo aquele com o guarda-redes no jogo, quando a equipa da casa fez o 2-0.” disse o técnico esloveno Tomislav Horvat após a partida.

Parabéns ao nosso time, que esteve muito próximo até o final da partida. No entanto, ficou claro que o Cazaquistão estava muito motivado diante da torcida local. Mas já sabíamos que o Cazaquistão é um time de ponta, é difícil alguém ganhar aqui. Também gostaria de parabenizar nossos jovens jogadores, eles são o presente e o futuro do nosso futsal, que ainda terá bons resultados. As qualificações continuam no próximo ano. Temos que vencer em Montenegro e depois teremos outro clássico com o Cazaquistão. Espero que tenhamos um bom apoio das arquibancadas para nos aproximarmos ainda mais deles em termos de resultados.” adicionou o seletor.

Na parte principal das qualificações, participam 36 países, divididos em 12 grupos. Os 12 vencedores dos grupos e os quatro melhores segundos colocados avançam para a parte de elite da competição. Os restantes oito segundos classificados irão para um play-off adicional, onde estes oito serão divididos em quatro duplas. Os vencedores conjuntos desses pares qualificam-se para a parte de elite da qualificação.

20 seleções vão jogar na parte de elite da qualificação. Os cinco campeões dos grupos viajarão diretamente para a Copa, enquanto os quatro melhores segundos colocados dos cinco grupos disputarão as duas vagas restantes.

Portugal venceu o Mundial no ano passado.

Egídio Pascoal

"Estudante. Especialista em web. Guru da música. Especialista em bacon. Criador. Organizador. Típico viciado em viagens. Estudioso de café. Explorador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *