“Lewa” derrotado pelo Barcelona em seu retorno a Munique



A lenda do Bayern, Robert Lewandowski, voltou a Munique como membro do Barcelona. Foto: Reuters

Lucas Hernandez, que em 2019 se juntou ao Atlético de Madrid por um recorde de 80 milhões de euros para fortalecer os campeões alemães em série, decidiu o encontro entre Bayern e Barcelona.  O zagueiro de 26 anos da seleção francesa marcou seu primeiro gol nesta temporada, o segundo com a camisa dos gigantes bávaros.  Foto: Reuters
Lucas Hernandez, que em 2019 se juntou ao Atlético de Madrid por um recorde de 80 milhões de euros para fortalecer os campeões alemães em série, decidiu o encontro entre Bayern e Barcelona. O zagueiro de 26 anos da seleção francesa marcou seu primeiro gol nesta temporada, o segundo com a camisa dos gigantes bávaros. Foto: Reuters

Notícias relacionadas
Os bávaros já estão sentindo falta de Lewandowski, que será o principal trunfo do Barcelona na Allianz Arena

No deleite da noite, Bayern e Barcelona se enfrentaram. Ele recebeu toda a atenção na capital da Baviera – compreensivelmente Robert Lewandowskium ex-atacante do Bayern que decidiu continuar sua carreira no Barcelona no verão.

O excelente atacante polonês teve cinco chutes a gol pelo seu ex-clube no primeiro tempo: uma vez que sua tentativa foi defendida pelo goleiro Manuel Neuer defendido, seu chute foi bloqueado duas vezes pelos anfitriões, e ele desperdiçou a melhor chance aos 16 minutos, quando ficou cara a cara com o goleiro do Bayern, mas mandou a bola por cima do gol. O Bayern também fez fechamentos perigosos algumas vezes, eles estavam ativos Sadio Manémas o resultado permaneceu 0:0.


Leroy Sane venceu Marc-Andre ter Stegno após um maravilhoso passe profundo de Jamal Musiala e selou o destino do Barcelona em Munique.  O atacante da seleção alemã esteve envolvido em 14 gols pelo Bayern na Liga dos Campeões desde o início da temporada passada (8 gols, 6 assistências).  Apenas Lewandowski (19) e Karim Benzema (17) são mais bem sucedidos nesta estatística.  Foto: Reuters
Leroy Sane venceu Marc-Andre ter Stegno após um maravilhoso passe profundo de Jamal Musiala e selou o destino do Barcelona em Munique. O atacante da seleção alemã esteve envolvido em 14 gols pelo Bayern na Liga dos Campeões desde o início da temporada passada (8 gols, 6 assistências). Apenas Lewandowski (19) e Karim Benzema (17) são mais bem sucedidos nesta estatística. Foto: Reuters

Bayern mudou para uma marcha mais alta
Nos minutos iniciais da retomada, os bávaros pisaram no acelerador e rapidamente assumiram a liderança. Joshua Kimmich ele mandou um cruzamento para a área de pênalti de um canto, a bola voou Raphinha mal julgado, do qual o defensor se aproveitou Lucas Hernandez e marcou de perto para 1:0. A alegria na Allianz Arena não acabou completamente quando ele dobrou a vantagem Leroy Sane. Ele derrotou seu colega de seleção Marc-Andre ter Stegen depois de dar-lhe um passe profundo maravilhoso Jamal Musiala. 2:0.

Dois gols em quatro minutos mudaram completamente o rumo do encontro. O Bayern dominou o meio de campo, o time alemão segurou todas as rédeas do jogo nos pés, os catalães não conseguiram se recuperar. Aqui e ali eles pararam de contra-atacar, mas não deu frutos.


Denzel Dumfries e Edin Džeko deram ao Inter uma vitória na República Checa.  Foto: Reuters
Denzel Dumfries e Edin Džeko deram ao Inter uma vitória na República Checa. Foto: Reuters

Inter comemorado na República Tcheca
Após a derrota na rodada de abertura contra o Bayern, os jogadores de futebol do Inter se recuperaram desta vez e venceram o Viktoria Plzeň. Eles marcaram um gol em ambos os tempos. É no minuto 20 Joaquin Correa mandou um útil cruzamento para a grande área, que afastou com um remate certeiro no canto inferior direito Edin Džeko. O Inter quebrou o adversário por muito tempo, que permaneceu no jogo o tempo todo, mas no final todas as esperanças domésticas foram frustradas após um resultado favorável Denzel Dumfries. Desta vez, Dzeko provou-se com um passe, e Dumfries fez o placar final 0:2 com um chute no canto inferior esquerdo.

goleiro esloveno Samir Handanovic sentou a partida no banco, defendeu entre os gols da equipe italiana André Onana.


O Liverpool recebeu o Ajax em Anfield.  Depois de ser ridicularizado em Nápoles, onde o Napoli foi derrotado por 4 a 1, os homens de Jürgen Klopp se recuperaram e conquistaram os três primeiros pontos da nova temporada europeia.  Joel Matip marcou o gol da vitória no final da partida.  Foto: Reuters
O Liverpool recebeu o Ajax em Anfield. Depois de ser ridicularizado em Nápoles, onde o Napoli foi derrotado por 4 a 1, os homens de Jürgen Klopp se recuperaram e conquistaram os três primeiros pontos da nova temporada europeia. Joel Matip marcou o gol da vitória no final da partida. Foto: Reuters

A surpresa da noite foi dada pelo Club Brugge, que eliminou o Porto declarado com um placar de 4 a 0.  Foto: Reuters
A surpresa da noite foi dada pelo Club Brugge, que eliminou o Porto declarado com um placar de 4 a 0. Foto: Reuters

O Bayer derrotou o Atlético de Madrid por 2 a 0 em Leverkusen, cuja partida foi perdida pelo goleiro esloveno Jan Oblak devido a lesão.  Robert Andrich (na foto) decidiu o placar aos 84 minutos.  Foto: Reuters
O Bayer derrotou o Atlético de Madrid por 2 a 0 em Leverkusen, cuja partida foi perdida pelo goleiro esloveno Jan Oblak devido a lesão. Robert Andrich (na foto) decidiu o placar aos 84 minutos. Foto: Reuters

O Sporting de Lisboa garantiu uma doce vitória no jogo de abertura do Grupo D, na terça-feira, depois de esmagar a resistência do Tottenham nos acréscimos.  Paulinho e Arthur Gomes (foto) marcaram para os portugueses aos 91 e 93 minutos.  Foto: Reuters
O Sporting de Lisboa garantiu uma doce vitória no jogo de abertura do Grupo D, na terça-feira, depois de esmagar a resistência do Tottenham nos acréscimos. Paulinho e Arthur Gomes (foto) marcaram para os portugueses aos 91 e 93 minutos. Foto: Reuters

O Eintracht recuperou da derrota na primeira jornada para festejar em Marselha.  O gol da vitória para a equipe de Frankfurt foi contribuído por Lindstrom, que aproveitou um erro do meio-campista da casa Jordan Veretout.  Foto: Reuters
O Eintracht recuperou da derrota na primeira jornada para festejar em Marselha. O gol da vitória para a equipe de Frankfurt foi contribuído por Lindstrom, que aproveitou um erro do meio-campista da casa Jordan Veretout. Foto: Reuters

2ª rodada, grupo A:
LIVERPOOL – ÁJAX 2:1 (1:1)
Salah 17º, Matip 89º; Kudus 27.

Liverpool: Alisson, Alexander-Arnold, Matip, van Dijk, Cimikas, Elliott (66./Firmino), Fabinho, Thiago (94./Bejcetic), Salah, Diogo Jota (66./Darwin Nunez), Luis Diaz (92./Milner) ).

Ajax: Pasveer, Rensch (68./Sanchez), Timber, Bassey, Blind, Alvarez, Taylor (80./Grilitsch), Tadić, Berghuis, Bergwijn, Kudus (86./Brobbey).

Juiz: Artur Soares Dias (Portugal)

Quarta-feira às 21:00:
RANGERS – NÁPOLES

Lestvica:                          
AJAX               2  1 0 1  5:2  3
NAPOLI             1  1 0 0  4:1  3
LIVERPOOL          2  1 0 1  3:5  3
RANGERS            1  0 0 1  0:4  0

Grupo B:
PORTO – CLUBE BRUGES 0:4 (0:1)
Jutgla 15./11-m, Sowah 47., Skov Olsen 52., Nusa 89.

BAYER LEVERKUSEN – ATLETICO MADRID 2:0 (0:0)
Andrich 84., Diaby 87.
nuvem (Atlético) está lesionado.

Lestvica:                          
CLUB BRUGGE        2  2 0 0  5:0  6
BAYER LEVERKUSEN   2  1 0 1  2:1  3
ATLETICO MADRID    2  1 0 1  2:3  3
PORTO              2  0 0 2  1:6  0

Grupo C:
VIKTORIA PLZEN – INTER 0:2 (0:1)
Dzeko 20., Dumfries 71.
RK: Bucha 60./Viktoria Plzen
Handanović (Inter) está no banco.

BAYERN – BARCELONA 2:0 (0:0)
Hernandez 50, Sane 54.

Baviera: Neuer, Pavard (21./Mazraoui), Upamecano, Hernandez, Davies, Kimmich, Sabitzer (46./Goretzka), Sane (80./Tel), Müller, Musiala (80./Gravenberch), Mane (70./Gnabry) ).

Barcelona: Ter Stegen, Kounde, Araujo, Christensen (70./Garcia), Alonso, Gavi (61./De Jong), Busquets (80./Kessie), Pedri, Raphinha (61./Torres), Lewandowski, Dembele (80. /Fati).

Juiz: Danny Makkelie (Holanda)

Lestvica:                          
BAYERN             2  2 0 0  4:0  6
BARCELONA          2  1 0 1  5:3  3
INTER              2  1 0 1  2:2  3
VIKTORIA PLZEN     2  1 0 1  1:7  0

Grupo D:
SPORTING LISBOA – TOTTENHAM 2:0 (0:0)
Paulinho 91., A. Gomes 93.

MARSELHA – EINTRACHT 0:1 (0:1)
Lindstrom 43.

Lestvica:                          
SPORTING LIZBONA   2  2 0 0  5:0  6
TOTTENHAM          2  1 0 1  2:2  3
EINTRACHT          2  1 0 1  1:3  3
MARSEILLE          2  0 0 2  0:3  0

Egídio Pascoal

"Estudante. Especialista em web. Guru da música. Especialista em bacon. Criador. Organizador. Típico viciado em viagens. Estudioso de café. Explorador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.