O português jogou cadeiras nos jogadores croatas, um torcedor do Hajduk atacou um cinegrafista

A meio do jogo da terceira jornada de apuramento para a Liga de Conferências entre o Hajduk e a equipa da casa, o Vitória, a polícia portuguesa voltou a estar ocupada. Eles supostamente usaram paus e balas de borracha contra torcedores do Hajduk, e um torcedor croata foi preso por atacar um cinegrafista de TV. Enquanto isso, os torcedores da casa provocaram os torcedores croatas durante a partida, eles também atacaram os jogadores. O preparador físico do Hajduk ficou ferido no incidente.

O Split Hajduk, apesar de perder para o Vitória no meio da partida, classificou-se para os playoffs da Liga da Conferência, onde enfrentará o espanhol Villarreal. Mas a visita de Hajduk a Portugal foi bastante ofuscada pelos tumultos de grupos de fãs.

Durante a partida, os torcedores da casa provocaram os torcedores do Hajduk, e quase começou uma briga entre os jogadores também. Torcedores do Vitória jogaram cadeiras nos jogadores do Hajduk, preparador físico do Hajduk Ian Coll no entanto, ele deixou o estádio com a cabeça sangrando após ser atingido por uma garrafa.

Para visualizar o conteúdo das redes sociais, ative os cookies das redes sociais. Ativar cookies

Conforme relatado pela mídia portuguesa, as paixões não diminuíram mesmo após o final da partida. Maisguimaraes.pt diz que houve um novo confronto entre os torcedores do Torcida e os White Angels, torcedores do Vitória. A polícia portuguesa respondeu e conseguiu evitar um confronto em grande escala, tendo mesmo disparado para o ar para dispersar a multidão.

Para visualizar o conteúdo das redes sociais, ative os cookies das redes sociais. Ativar cookies

Após a partida, um torcedor do Hajduk jogou uma garrafa em um cinegrafista da CNN quando ele estava saindo do estádio. A polícia prendeu o torcedor, e ele será levado hoje perante o juiz de instrução.

Enquanto os adeptos do Hajduk se encontravam no estádio, adeptos portugueses danificaram vários veículos com matrículas croatas no parque de estacionamento junto à estação de comboios da Trofa, noticia o jornal O Jogo. Os culpados pelos danos são os adeptos do Porto, que roubaram adereços de adeptos, t-shirts e cachecóis das viaturas.

Para visualizar o conteúdo das redes sociais, ative os cookies das redes sociais. Ativar cookies

Um grupo de adeptos do Hajduk Split causou um verdadeiro pânico na cidade de Guimarães na noite de terça-feira na véspera do jogo. Ela começou a disparar produtos pirotécnicos, e as explosões causaram pânico entre as pessoas que estavam nos terraços do centro histórico da cidade na época. Membros do grupo de adeptos do Benfica No Name Boys também se misturaram entre os adeptos.

CONSULTE MAIS INFORMAÇÃO

Adeptos do Hajduk revoltam-se em Portugal: pessoas correram das esplanadas dos bares

Egídio Pascoal

"Estudante. Especialista em web. Guru da música. Especialista em bacon. Criador. Organizador. Típico viciado em viagens. Estudioso de café. Explorador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.