Os portugueses começaram o WC com três pontos

Os jogadores de Portugal venceram o Gana por 3:2 (0:0) no jogo de abertura do Grupo H do Mundial do Qatar. Cristiano Ronaldo (65º) marcou para os portugueses de grande penalidade, assim como João Félix (78º) e Rafael Leão (80º). Andre Ayew empatou para Gana (73º) e Osman Bukari (89º) definiu o placar final.

* Estádio 974, público 42.662, árbitros: Elfath, Atkins, Parker (todos os EUA).
* Artilheiros: 1:0 Ronaldo (65º/11º), 1:1 Ayew (73º), 2:1 Félix (78º), 3:1 Leao (80º), 3:2 Bukari (89º).
* Portugal: Costa, Dias, Guerreiro, Danilo, Cancelo, Fernandes, Silva (de 88. Palhinha), Neves (de 77. Leão), Ronaldo (de 88. Ramos), Félix (de 88. Mário), Otávio (de 88. Mário), 56. Carvalho).
* Gana: Ati-Zigi, Salisu, Amartey, Djiku (de 90+2. Semenyo), Partey, A. Ayew (de 77. J. Ayew), Rahman, Kudus (de 77. Bukari), Samed (de 90+ 2. Kyereh), Seidu (de 66. Lamptey), Williams.
* Cartões amarelos: Danilo, Fernandes; Kudus, Ayew, Seidu, Williams.
* Cartão vermelho: /.

Os portugueses venceram mais um confronto direto com Gana na Copa do Mundo (2014), embora tenham tremido por isso até os últimos segundos da partida. O gol de Ronaldo na partida foi histórico, tornando-se o único artilheiro em até cinco Copas do Mundo consecutivas.

Os portugueses foram o melhor adversário durante a maior parte da partida e conquistaram mais chances. No entanto, eles lutaram por muito tempo em torno da sólida defesa ganesa, e o resultado ainda era 0-0 depois de mais de uma hora de jogo.

Ronaldo poderia ter se mostrado já aos 10 minutos, mas recebeu pior a bola, e o goleiro Lawrence Ati-Zigi parou o madeirense de 37 anos a tempo. Poucos minutos depois, ele errou de cabeça à queima-roupa.

Os portugueses tiveram muito mais jogo, e no final do minuto 62, Mohammed Salisu acertou Ronaldo na perna dentro da grande área e o árbitro apontou para o ponto branco. Ronaldo assumiu o comando e aproveitou o pênalti mais difícil para marcar seu oitavo gol no total na Copa do Mundo e o 118º por Portugal.

No segundo tempo, porém, a seleção ganesa acordou. Mohammed Kudus, em particular, suscitou várias vezes alarme na defesa portuguesa. Aos 73 minutos, ele também deu assistência para o gol de empate de Andrej Ayew à queima-roupa.

Os portugueses voltaram a abrir o placar aos 78 minutos, quando Félix acertou após belo passe para a área. Apenas dois minutos depois, o suplente Rafael Leão acrescentou à sua conta, finalizando bem após passe de Bruno Fernandes.

No final da partida, os ganeses haviam reduzido o placar após mais um passe da esquerda, desta vez à queima-roupa com cabeceamento do reserva Osman Bukari. Aos 98 minutos, rematou à distância, mas não ameaçou Diogo Costa na baliza portuguesa.

Também haverá uma partida do Grupo G entre Brasil e Sérvia, no Catar. Anteriormente, os suíços venceram Camarões por 1 a 0 neste grupo, enquanto a partida entre Uruguai e Coreia do Sul terminou sem gols no Grupo H.

Brás Monteiro

"Fanático de TV ao longo da vida. Aficionado de internet irritantemente humilde. Analista. Introvertido dedicado."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *